Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

06.10.19

Sinfonia

Manu Hawk
A beleza do erotismo como uma sinfonia de emoções, representada em três poemas que criei ao som das cordas do maravilhoso John Petrucci!        
12.06.14

Salve os Eternos Namorados!

Manu Hawk
  Deságua Siga a fome do teu coração esquece a razão! Tantas vezes chegou perto e depois disse não... Vai, mergulha de cabeça solta as amarras libera esse tesão crava as unhas nada com vontade nesse desejo louco e deságua entre minhas pernas. (por Manu Hawk) "Respeitem os Direitos Autorais". Incentivemos a divulgação com autoria. É um direito do criador que se dedicou a compor, e um dever do leitor que apreciou a obra". (Manu Hawk)
09.07.11

Sinfonia

Manu Hawk
A beleza do erotismo representada em três poemas (Toque-me, Sinfonia, Sinfonia a Dois) que criei ao som das cordas do maravilhoso John Petrucci (Dream Theater). Kisses mil
19.04.09

Eternamente Meu

Manu Hawk
O nome "Hawk", que uso, vem do filme "Ladyhawke" (Feitiço de Áquila), pelo qual sou apaixonada, e sempre tive vontade de criar um poema inspirado no filme, na paixão de Isabeau & Navarre. Criei o poema "Eternamente Meu" alguns anos atrás, e agora criei o videopoema de mesmo nome. São cenas do filme editadas com meu poema. O poema foi inspirado num amor puro, desejado, e jamais tocado.   (Caso o vídeo fique travando após iniciar, pare a execução e espere (...)