Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Manu Hawk em 14.11.13

Dias de Moto

Mais um dia chegou ao fim, e mais uma vez você reclamou meu atraso da mesma forma, parado no meio do corredor da empresa, apontando para o relógio! Engraçado que essa cena se repetiu (...)
Manu Hawk em 09.07.11

Sinfonia

A beleza do erotismo representada em três poemas (Toque-me, Sinfonia, Sinfonia a Dois) que criei ao som das cordas do maravilhoso John Petrucci (Dream Theater). Kisses mil
Manu Hawk em 11.11.13

Um Dia Qualquer...

Sábado/12h30min: Acordei cansada, mais uma noite péssima, sem dormir tranqüila, insone. No banho, ainda meio lenta, apoiei as mãos na parede, cabeça baixa, deixando a água deslizar pelo (...)
Manu Hawk em 09.05.09

É real?

Onde está aquele que me fez rondar cheirar caçar sentir o roçar de nossas peles agarrar os cabelos beijar com vontade sentir o gosto retesar pulsar de vontade morder de leve
Manu Hawk em 20.04.09

Devaneio

Sonhei que poderia te alcançar, tocar teu rosto, enxugar tua lágrima, ouvir tua voz, sentir tuas mãos,   molh (...)
Manu Hawk em 14.04.09

Tato Virtual

Esse poema foi escrito uns anos atrás, mas volto com ele hoje por um motivo especial, alguém que me fez lembrar o quanto gostoso é viajar nas palavras excitantes e deliciosas, aquelas que (...)