Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

23.11.13

Velho Galpão

Manu Hawk
Todo fim de tarde o mesmo trajeto do trabalho para casa, o velho galpão no caminho, e você encostado na grade conversando com amigos. Fazendo hora, jogando conversa fora, sei lá, mas estavam sempre ali.   Cortar caminho pelo terreno do galpão era a melhor opção, chegava mais rápido a rua principal. E você estava sempre ali, no meio do caminho, nunca nos falamos, apenas (...)
21.09.09

Deságua!

Manu Hawk
 Deságua Siga a fome do teu coração esquece a razão! Tantas vezes chegou perto e depois disse não... Vai, mergulha de cabeça solta as amarras libera esse tesão crava as unhas nada com vontade nesse desejo louco e deságua entre minhas pernas. (Manu Hawk - 21/09/2009)