Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Sab | 02.02.13

Aroma de Canela

Publicado por Manu Hawk
Aroma de Canela

Fecho os olhos, pensando em você...
O gosto de cereja com gotas de Martini
ainda brincam na ponta da língua.
No ar, o aroma de canela, desejo, tesão
que só você exalava, e
o som forte e gostoso de sua voz
que acariciava meus ouvidos.
Teu corpo quente envolve e preenche,
fazendo a pele arrepiar...
Que saudades do proibido
de ter o inatingível
mas que despertou sensações fortes
como nenhum outro.

(Manu Hawk)
Sab | 02.02.13

Teus Cabelos

Publicado por Manu Hawk
Esse poema vai em homenagem aos dois amigos queridos que tenho, que superaram barreiras, e entenderam que o amor está acima de tudo! O amor não tem cor, não tem religião, não tem sexo, todos nós temos o direito de viver intensamente!!!


Teus Cabelos

Apenas um segundo
foi o tempo que levou
para te ver ali
sorrindo, inocentemente lindo!

Teus cabelos me prenderam
pensamentos voaram
todo corpo estremeceu
quando teus olhos tocaram.

Fecho os olhos
sinto tua respiração
tua boca roçando meu pescoço
gosto de sexo, tesão...

Apenas um segundo
foi o tempo que levou
para me entregar
deliciar em tuas mãos!

(Manu Hawk)