Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Manu Hawk em 14.09.17

Hawk (Exílio)

 Hawk (Exílio) De dia sonho, vôo, sou falcão à noite, solidão. Mistura dolorosa de prazer lascivo, mórbido, chão. Minhas asas sangram Unhas rasgam meu peito Suor escorre queimando
Manu Hawk em 02.02.13

Aroma de Canela

Aroma de Canela Fecho os olhos, pensando em você... O gosto de cereja com gotas de Martini ainda brincam na ponta da língua.No ar, o aroma de canela, desejo, tesão que só você exalava, e
Manu Hawk em 11.07.10

Cores

 Mistura de cores odores e sabores passeio delicioso no teu corpo. Pele suada dourada acetinada retesada. Jogo de braços
Manu Hawk em 02.02.13

Teus Cabelos

Esse poema vai em homenagem aos dois amigos queridos que tenho, que superaram barreiras, e entenderam que o amor está acima de tudo! O amor não tem cor, não tem religião, não tem sexo, (...)