Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Erotismo por Manu Hawk

Uso a poesia, o erotismo, como minha voz... Calada, contida.

Toque-me

Toque-me

Essa noite ouvi você por horas
Som gostoso aos meus ouvidos
Devagar, invadindo meus sentidos
Sem pressa de ir embora.

Imaginei como seria a sensação
De ser essa guitarra em suas mãos
De costa para você, colada no seu corpo
Sentindo toda pulsação...

Seus dedos percorrendo freneticamente
As cordas estendidas do meu corpo
Tirando som de cada movimento
Doce, agitado, incansavelmente...

Seus olhos brilham a cada acorde
Vem com garra, agarra, não desgarra
Rasga toda minha alma
E não deixe que eu acorde.

(por Manu Hawk)